Cristiano Ronaldo vai voltar ao Real Madrid? Veja o que Zidane respondeu

Em entrevista coletiva antes da partida diante da Atalanta, pela Liga dos Campeões, o treinador do time espanhol abriu o jogo sobre o possível retorno do craque português

  • Por Jovem Pan
  • 15/03/2021 15h23 - Atualizado em 15/03/2021 17h55
EFE/EPA/ALESSANDRO DI MARCOCristiano Ronaldo durante partida da Juventus

Logo após a Juventus ser eliminada pelo Porto nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, a imprensa europeia noticiou que Cristiano Ronaldo poderá deixar a “Velha Senhora” para retornar ao Real Madrid, onde foi feliz por muitos anos. Nesta segunda-feira, 15, o treinador Zinédine Zidane foi questionado sobre o tema, em entrevista coletiva, na véspera da partida diante da Atalanta, pelo principal torneio europeu entre clubes. Apesar de ressaltar que o atacante português pertence ao time italiano, o técnico afirmou que o craque pode, sim, voltar para a Espanha.

“Sim, pode acontecer [de Cristiano Ronaldo retornar ao Real Madrid]. Conhecemos quem ele é e tudo o que ele fez no Real Madrid, mas ele é jogador da Juventus e temos que respeitar isso”, declarou Zidane sobre uma possível volta do craque luso ao time do Santiago Bernabéu. Principal jogador da equipe madrilena, Karim Benzema também demonstrou animação com um retorno do ex-companheiro. “Não sou presidente, nem treinador, e não sei se o Cristiano está, ou não, bem na Juventus, mas claro que gostaria de voltar a jogar com ele. Comigo sempre se comportou bem e creio que é um jogador que vai sempre marcar gols”, disse o centroavante.

Cristiano Ronaldo viveu o auge da sua carreira no Real Madrid, onde conquistou quatro taças da Liga dos Campeões da Europa, três títulos do Mundial de Clubes e duas vezes o Campeonato Espanhol. Vestindo a camisa dos “Blancos”, ele conseguiu também a façanha de ser eleito o melhor jogador do planeta em quatro oportunidades. O seu primeiro prêmio da Fifa aconteceu ainda nos tempos de Manchester United. Aos 36 anos, 0 craque português tem contrato com a Juventus até 30 de junho de 2022. A imprensa europeia, no entanto, informa que o clube italiano estaria disposto a aceitar uma oferta pelo atacante, pois está com dificuldades de arcar com o alto salário do jogador. Além disso, a Velha Senhora vive uma crise financeira desde o ano passado, que foi potencializada com a falta de público nos jogos devido à pandemia da Covid-19.