Uruguaio Carlos Sanchez se torna maior artilheiro estrangeiro da história do Santos

Meio-campista marcou o quarto gol na vitória contra o Juazeirense, na Copa do Brasil, e chegou aos 27 tentos com a camisa alvinegra

  • Por Jovem Pan
  • 28/07/2021 22h01
FERNANDA LUZ/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDOCarlos Sanchez entra para a história do Santos

O meio-campista uruguaio Carlos Sanchez entrou para a história do Santos. Após marcar o quarto gol da goleada da equipe contra o Juazeirense, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o atleta de 36 anos ultrapassou o colega Copete e se tornou o maior artilheiro estrangeiro do clube da Baixada Santista, com 27 gols em 110 gols. O feito também marca o retorno de Sanchez depois de uma grave lesão no joelho que o tirou dos gramados por nove meses. Na entrevista pós-jogo, o uruguaio comemorou a marca. “É um orgulho para mim ficar na história do Santos como artilheiro, mas não pensava nisso. Me preocupo com o trabalho em campo. Estamos fazendo grandes partidas, mas não estava saindo o gol”, comentou. No ranking de estrangeiros goleadores no Santos, Copete é o segundo com 26 gols, o argentino Echevarrieta e o venezuelano Soteldo têm 20 gols e Mao Molina, da Colômbia, fecha o top 5 com 17 gols.