Gabriel Medina se manifesta após não tomar vacina contra Covid-19; confira

Fora última etapa do Mundial de Surfe (WCT), em Teahupoo, na Polinésia Francesa, por não ter recebido o imunizante, o surfista admitiu estar errado

  • Por Jovem Pan
  • 06/08/2021 11h19
Foto: Miriam Jeske/Comitê Olímpico Brasileiro Surfista brasileiro atuando em quinta bateria da primeira fase Gabriel Medina foi o quarto colocado do surfe nos Jogos de Tóquio

Gabriel Medina usou suas redes sociais na manhã desta sexta-feira, 6. para falar sobre o motivo de ainda não ter se vacinado contra a Covid-19. Fora última etapa do Mundial de Surfe (WCT), em Teahupoo, na Polinésia Francesa, por não ter recebido o imunizante, o surfista admitiu estar errado e culpou a sua agenda. “Vacina salva vidas, galera! Foi um erro meu eu não ter conseguido encaixar a imunização na minha agenda de treinos pros desafios desse ano, focado no Campeonato Mundial. Mas em breve tomarei a minha”, escreveu ele. “Enquanto isso, sigo tomando todos os cuidados e seguindo os protocolos de segurança”, completou o quarto colocado na Tóquio-2020.

Medina revelou que ainda não havia recebido a vacina na quarta-feira, em  transmissão ao vivo realizada na plataforma Twitch na quarta-feira, 4. A Polinésia Francesa exige a vacina contra a Covid-19 para permitir a entrada de pessoas no país. Na transmissão, Medina explicou que a ausência não deve atrapalhar na disputa pelo título mundial. Por ter feito parte da delegação brasileira nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, Medina teve a chance de se vacinar, já que o Comitê Olímpico Brasileiro ofertou imunizante para todos os atletas.