Rafael Silva é derrotado por francês e fica sem medalha no judô acima de 100 kg

Agora, o ‘Baby’, como é conhecido o brasileiro de 180 kg, voltará ao tatame amanhã para representar o país na disputa por equipes

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2021 05h37 - Atualizado em 30/07/2021 05h43
Reprodução/Twitter/@Timebrasil Rafael Silva ficou sem o bronze no judô até 100 kg Rafael Silva ficou sem o bronze no judô até 100 kg

Esperança de medalha para o Brasil, Rafael Silva não irá subir ao pódio no judô acima de 100 kg nas Olimpíadas de Tóquio. Na madrugada desta sexta-feira, 30, o veterano foi derrotado pelo francês Teddy Riner na repescagem e deu adeus a chance de conquistar o seu terceiro bronze consecutivo – na mesma categoria, ele ficou com o bronze em Londres-2012 e Rio-2016. Logo no começo da luta, o judoca sofreu um ippon do atleta da França, considerado o melhor do mundo nos últimos dez anos. Agora, o “Baby”, como é conhecido o brasileiro de 180 kg, voltará ao tatame amanhã para representar o país na disputa por equipes. “Foi um ciclo bem difícil. Saio de cabeça erguida. Isso é minha vida e eu me esforcei o máximo. Uma pena sair sem uma medalha. Ao mesmo tempo, quero agradecer meu clube e a todos do Brasil que me ajudaram a chegar aqui. Saio triste, mas amanhã penso na disputa por equipes”, disse em entrevista ao SporTV. Mais cedo, ele havia perdido para Guram Tushishvili, da Geórgia, depois de levar três shido por falta de combatividade.