Tóquio 2020: Holandesa sofre queda, mas se recupera e vence eliminatória dos 1.500 m

Sifan Hassan caiu com cerca de 400 m disputados, mas conseguiu se recuperar e fechar a prova com o melhor tempo entre as competidoras

  • Por Jovem Pan
  • 02/08/2021 02h34
EFE/EPA/DIEGO AZUBEL Sifan Hassan Holanda Holandesa protagonizou prova de recuperação

A atleta Sifan Hassan, da Holanda, protagonizou um episódio inusitado em uma das eliminatórias dos 1.500 m feminino do atletismo nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Isso porque por volta dos 400m do percurso, Hassan acabou tropeçando na corredora queniana Edina Jebitok, do Quênia, e caiu no meio da prova. Entretanto, ela conseguiu se levantar, recuperar o tempo perdido e vencer a bateria. A holandesa fechou a prova com o tempo de 4.05,17, sendo seguida por Jessica Hull, da Austrália, que terminou com 4.05,28. A queniana encerrou a prova com tempo de 4.10,72, e foi eliminada. A semifinal dos 1.500 m será disputada às 7h da próxima quarta-feira, 4, com a final acontecendo na sexta, 6, às 9h50.