Bolsonaro: ‘Será que não está na hora de termos um ministro do STF evangélico?’

  • Por Jovem Pan
  • 31/05/2019 12h08
Fernando Frazão/Agência BrasilJair Bolsonaro voltou a sinalizar que pote tentar a reeleição em 2022

O presidente Jair Bolsonaro sugeriu nesta sexta-feira, 31, que o país deveria ter um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) evangélico. A declaração foi feita durante um ato na Assembleia de Deus Ministério Madureira em Goiânia (GO).

“Se me permitem plagiar a ministra Damares [Alves], eu também sou terrivelmente cristão. Então, com todo respeito ao Supremo Tribunal Federal, eu pergunto: existe algum, entre os 11 ministros do Supremo, evangélico? Cristão assumido? Não me venha a imprensa dizer que eu quero misturar a Justiça com religião. Todos nós temos uma religião ou não temos. E respeitamos, um tem que respeitar o outro. Será que não está na hora de termos um ministro no Supremo Tribunal Federal evangélico?”, disse.

A declaração foi feita logo após ele criticar o debate no Supremo sobre a tipificação da homofobia como crime de racismo — a Corte já formou maioria pelo enquadramento no crime.

“O Supremo agora está discutindo se homofobia pode ser tipificado como racismo. Desculpe aqui o Supremo Tribunal Federal, que eu respeito e jamais atacaria outro Poder, mas, pelo que me parece, estão legislando, […]. O estado é laico, mas eu sou cristão”, disse.