‘Crime político’, diz deputada do PSOL após ter o escritório invadido

Vivi Reis publicou fotos que mostram cômodos revirados, documentos espalhados e o banheiro quebrado e disse que ‘o único objeto de valor levado pelos criminosos foi um notebook’

  • Por Jovem Pan
  • 18/09/2021 18h42 - Atualizado em 18/09/2021 18h45
Reprodução / Twitter / Vivi Reis

Após ter seu escritório político invadido e depredado, em Belém (PA), a deputada federal Vivi Reis (PSOL-PA ) publicou nas redes sociais, neste sábado, 18, que suspeita de crime político. Segundo a parlamentar, esta foi a segunda invasão ao local e, desta vez, a depredação se concentrou no gabinete e na sala de reuniões. “Na primeira vez achávamos se tratar de um crime comum, mas as características desta segunda invasão levantam a possibilidade de um crime político”, escreveu. Nas fotos postadas pela deputada, os cômodos aparecem revirados, documentos espalhados e o banheiro quebrado. “O único objeto de valor levado pelos criminosos foi um notebook. Outros equipamentos, como impressora, foram deixados”, completou. Ainda segundo Vivi Reis, foi registrado boletim de ocorrência e uma perícia será realizada para investigar a motivação do crime. “É necessário que a SEGUP (Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social) investigue com rigor essa ação. As características do crime levantam a hipótese de uma ação política para nos intimidar. Não permitiremos”.