Homem mais alto do Brasil irá amputar a perna devido a uma infecção

Joelison Fernandes da Silva lançou uma vaquinha para a compra de uma prótese para que possa voltar a andar e também arcar com os custos do pós-operatório

  • Por Jovem Pan
  • 17/09/2021 18h53 - Atualizado em 17/09/2021 19h18
Reprodução/ Instagram @ninaooficiallAtualmente, Joelison tem 2,37 metros de altura

Considerado o homem mais alto do Brasil, Joelison Fernandes da Silva, 36 anos, que tem 2,37 metros, terá que amputar a perna por causa de uma infecção com a qual convive há quatro anos. Em seu Instagram, Ninão, como é conhecido, publicou um vídeo ao lado de familiares no qual fala sobre a situação. “Não é fácil levar uma vida a mais de quatro anos de cadeira de rodas, são mais de 200 quilos para ser sustentado em uma perna só. Mas chegou o momento de tomar essa decisão de amputar a perna e voltar a caminhar com a prótese”, afirmou Ninão. “Como mãe, abala muito. Não é fácil uma mãe saber que vai ter que tirar uma parte do seu filho”, disse Divanilda Fernandes da Silva, mãe de Joelison, no vídeo.

Por causa de sua altura e peso, Ninão desenvolveu uma ferida no pé direito e contraiu uma bactéria chamada osteomielite. Após vários exames, que conseguiu pagar com uma vaquinha feita em 2020, descobriu que não teria mais como fazer um tratamento e que precisaria amputar o pé. Agora, ele lançou outra vaquinha para a compra de uma prótese para que possa voltar a andar e também arcar com os custos do pós-operatório. A cirurgia foi feita através do apoio de influenciadores da cidade onde mora, em Assunção, na Paraíba, e da deputada Pollyana Dutra.