Biden diz que disseminação da varíola os macacos ‘deveria preocupar a todos’

Antes de embarcar para Tóquio, presidente conversou com jornalistas e falou sobre o aumento do número de casos da doença

  • Por Jovem Pan
  • 22/05/2022 21h54
EFE/EPA/MICHAEL REYNOLDS - 07/10/2021 Joe Biden apoia a mão no queixo de perfil Biden está em viagem por países aliados na Ásia

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse que o impacto da varíola do macaco pode ser “relevante” caso a disseminação aumente. A declaração foi dada pelo americano neste domingo, 22, antes de embarcar para Tóquio, na segunda parte de sua viagem pela Ásia. Biden disse que as autoridades não informaram sobre o “nível de exposição” da população nos EUA. “Mas é algo que deveria preocupar a todos […] É uma preocupação no sentido de que caso se espalhe seria relevante”, disse Biden a jornalistas antes de embarcar no Air Force One e viajar para o Japão. Desde o começo de maio, diversos países do Ocidente registraram casos da doença, o que despertou preocupações pelo rápido espalhamento da doença. Nos EUA, o primeiro caso foi registrado em 18 de maio. Neste domingo, foi confirmado o segundo caso da doença em território americano.

*Com informações da AFP