Espanha libera voos do Brasil e da África do Sul; passageiros precisarão fazer quarentena de 10 dias

As mesmas condições, que entrarão em vigor no dia 3 de agosto, já se aplicam aos viajantes da Argentina, Bolívia, Colômbia e Namíbia

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2021 17h02
FEPESIL/THENEWS2/ESTADÃO CONTEÚDO - 04/01/2021Proibição estava em vigor desde o mês de fevereiro

A Espanha decidiu suspender a proibição de voos do Brasil e da África do Sul, que estava em vigor desde o mês de fevereiro. Por qualificar os países como de “alto risco” de infecção pela Covid-19, os passageiros serão obrigados a fazer uma quarentena de dez dias após a chegada. As mesmas condições, que entrarão em vigor no dia 3 de agosto, já se aplicam aos viajantes da Argentina, Bolívia, Colômbia e Namíbia, de acordo com uma resolução do Ministério da Saúde publicada neste sábado, 31. Os voos do Brasil e da África do Sul para a Espanha foram proibidos por decisão do governo para tentar impedir a disseminação das variantes do coronavírus prevalentes nestes dois países.

A partir da próxima terça-feira, porém, serão retomados os voos destes dois países para parentes de cidadãos espanhóis e portadores de visto de longa duração, incluindo estudantes. A consideração de um país de alto risco baseia-se na análise conjunta dos principais indicadores utilizados na União Europeia. Os critérios incluem a incidência cumulativa em 14 dias, a taxa de casos positivos detectados, a de testes diagnósticos ou da população vacinada, diz a resolução.

* Com informações da EFE