Estados Unidos registram mais de 50 mil casos de Covid-19 em 24h

No Reino Unido, medidas de restrição da circulação passam a valer para conter o aumento de infectados

  • Por Jovem Pan
  • 03/10/2020 18h28
EFE/EPA/NEIL HALLReino Unido aumentou restrições para conter a covid-19

Os Estados Unidos registraram 50.160 novos casos da covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com números do Centro de Controle e Prevenção a Doenças (CDC), publicados neste sábado, 3. O número de mortes registradas no intervalo é de 816. Com as atualizações, o total de casos da doença no país chegou a 7.310.625, o maior em todo o mundo, e o número de vítimas passou a 208.118. Os números foram divulgados em meio à internação do presidente Donald Trump em razão da contaminação. Informações conflitantes vindas dos médicos da Casa Branca e de fontes ligadas à Casa Branca levantaram dúvidas sobre seu real estado.

Na Europa, enquanto novas restrições entram em vigor em Madri, na Espanha, a Inglaterra impôs medidas semelhantes nas regiões nordeste e noroeste, que incluem Liverpool, décima maior do país. A partir da meia-noite deste sábado, residentes de cidades da região não podem encontrar pessoas de fora de suas casas ou das regiões que vivem – proibição que se estende a reuniões privadas. De acordo com o governo do Reino Unido, as medidas são tomadas no momento em que as taxas de incidência da covid-19 ficam acima de 170 por 100 mil habitantes em algumas dessas regiões.

Após uma queda entre junho e agosto, os números de casos confirmados da doença voltaram a subir. Ontem, foram 6.968 novos infectados, de acordo com os dados mais recentes do Departamento de Saúde do país. Segundo a Universidade Johns Hopkins, o número de casos em todo o mundo chega a 34.706.736, com Estados Unidos, Índia e Brasil como os países com maiores números. Globalmente, são 1.029.969 óbitos causados pela doença, sendo que Estados Unidos e Brasil estão no topo da lista.

* Com Estadão Conteúdo