Portugal bate recorde e registra 7.627 novos casos de Covid-19

O recorde foi estabelecido uma semana depois da flexibilização das restrições contra a propagação do novo coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 31/12/2020 15h07
EFE/EPA/JOSE COELHOVirada de ano no país terá restrições por conta da propagação da doença.

As autoridades de saúde de Portugal registraram 7.627 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, estabelecendo um novo recorde de infecções diárias da doença desde o início da pandemia. No mesmo período, foram registradas 76 novas mortes causadas pela doença. Segundo dados da Direção Geral de Saúde do país, Portugal tem 6.906 mortes e 413.678 casos da doença até o momento. O recorde foi estabelecido uma semana depois da flexibilização das restrições contra a propagação do novo coronavírus (Sars-Cov-2). Nos dias 24 e 25 de dezembro, o toque de recolher foi reduzido e as pessoas puderam se descolar para fora de seus municípios. O limite de pessoas em reuniões familiares também foi extinto na ocasião.

Na última quarta-feira, 30, o número de casos começou a aumentar. Entretanto, o primeiro-ministro português, António Costa, disse que era “muito cedo” para associar o aumento às flexibilizações feitas no Natal. “Se elas existirem, certamente virão entre a próxima semana e a seguinte”, afirmou o premiê. A virada do de ano em Portugal terá regras mais rigorosas, com toque de recolher obrigatório entre as 23h do dia 31 e as 5h do dia 1º de janeiro. Durante o feriado de sexta-feira e o fim de semana de 2 e 3 de janeiro, um toque de recolher entre as 13h e as 5h do dia seguinte entrará em vigor. A circulação de pessoas entre municípios estará proibida até o dia 4 de janeiro.

*Com informações da EFE