Projeções apontam vitória de Biden na Geórgia e de Trump na Carolina do Norte

A conquista dos dois últimos estados restantes deixaria o democrata com um total de 306 delegados no Colégio Eleitoral, enquanto o republicano ficaria com 232

  • Por Bárbara Ligero
  • 13/11/2020 17h47 - Atualizado em 13/11/2020 18h25
EFE/EPA/JIM LO SCALZOManifestantes pró-Trump apoiam as declarações do presidente de que houve fraude eleitoral

Nesta terça-feira, veículos de imprensa norte-americanos projetaram uma nova vitória de Joe Biden na Geórgia, onde 99% dos votos já foram apurados. Como o estado representa 16 delegados, o democrata, que já está sendo considerado o presidente eleito dos Estados Unidos, chegaria a 306 pontos no Colégio Eleitoral. Enquanto isso, Donald Trump teve a sua conquista declarada na Carolina do Norte, que também já tem 99% de cédulas contabilizadas. Como o estado representa 15 votos, o atual presidente alcançaria um total de 232 pontos. Na Geórgia, o democrata teria conquistado 49,52% dos votos, enquanto, na Carolina do Norte, Trump teve 50,0% da preferência.

As projeções, feitas pela NBC, pelo The New York Times e pelo The Washington Post, eram as duas últimas restantes, já que na quinta-feira, 12, os principais veículos de imprensa declararam vitória de Biden no Arizona e de Trump no Alasca. A agência de notícias The Associated Press e a emissora de televisão Fox News concordaram com a vitória da Carolina do Norte, mas ainda não declararam um resultado na Geórgia, onde a disputa está especialmente acirrada. Segundo as últimas informações, a diferença entre os candidatos ali é de apenas 14.122 votos, motivo pelo qual o estado afirmou que fará uma recontagem manual.