Anac autoriza aérea de baixo custo JetSmart a operar no país

  • Por Jovem Pan
  • 28/08/2019 07h24
Reprodução/CNNA companhia é a quarta low cost a conseguir autorização para atuar no Brasil

A companhia aérea chilena JetSmart recebeu, nesta terça-feira (27), autorização da Anac para atuar no Brasil. A empresa pretende iniciar a operação com rotas internacionais partindo da Argentina.

Apesar do anúncio, a companhia ainda não informou quando as atividades terão início e nem quais serão as cidades que contarão com o serviço.

A JetSmart é de propriedade do fundo norte-americano Índigo Partners, que também controla outras três companhias aéreas. Ela atua no formato de baixo custo, também chamado de low cost, que prioriza a redução de gastos, cortando serviços como refeições, bagagens inclusas e marcação de assentos.

A companhia é a quarta low cost a conseguir autorização para atuar no Brasil. Além dela, a Anac já autorizou a norueguesa Norwegian, a também chilena Sky Airlines e a argentina Flybondi.

O impulso para a vinda de empresas aéreas de baixo custo ao Brasil se deu com o início da cobrança para o despacho de bagagem. A resolução entrou em vigor em 2017, após uma longa discussão por parte de órgãos de defesa do consumidor.

*Com informações da repórter Larissa Coelho