Capital paulista registra mais de duas mil quedas de árvores nos dois primeiros meses do ano

  • Por Jovem Pan
  • 06/03/2019 07h13
Jovem PanDe acordo com a gestão municipal, no ano passado foram feitas cerca de 90 mil podas e quase 12 mil remoções de árvores

A cidade de São Paulo registrou mais de 2 mil quedas de árvores entre janeiro e fevereiro deste ano e, neste mês de março, outras 209 já caíram. Um dos fatores que contribui para as ocorrências é a chuva. E, segundo o Instituto de Meteorologia, fevereiro foi o mais chuvoso dos últimos 15 anos.

Quando as precipitações são constantes, o peso de uma árvore pode aumentar em até 50% e a combinação deste fator com os ventos fortes ocasiona a queda de muitas árvores. Além da chuva, uma árvore pode cair em decorrência de pragas, como os cupins, e da poda mal feita.

Segundo a Prefeitura de São Paulo, a cidade tem hoje cerca de 650 mil árvores nas ruas, sem contar as que estão em parques.

De acordo com a gestão municipal, no ano passado foram feitas cerca de 90 mil podas e quase 12 mil remoções de árvores. Ao todo, são 100 equipes que trabalham em parceria com a Enel, identificando se a responsabilidade pela poda é da concessionária ou da Prefeitura.

O projeto de podas deve demorar cerca de dois anos para ser finalizado.

*Informações do repórter Afonso Marangoni