Vampeta revela como foi último contato com Ronaldinho: ‘Uma das melhores pessoas que conheci’

“Ronaldinho, sai daí e vem ficar com a gente, irmão”, pediu o Velho Vamp, ainda triste com a prisão do amigo

  • Por Bruno Landi
  • 14/08/2020 12h10 - Atualizado em 15/08/2020 14h31
ReproduçãoO Pergunte ao Vampeta é um programa semanal do Grupo Jovem Pan

Quem acompanhou a Copa do Mundo de 2002 com certeza vai se lembrar que a união e a amizade dos jogadores comandados por Felipão fizeram com que aquela Seleção Brasileira ganhasse o apelido de “Família Scolari”. Risadas, histórias e brincadeiras foram as marcas do último selecionado verde e amarelo campeão mundial. Dois dos principais personagens daquele time, no entanto, não se encontram há quase três anos. Trata-se de Vampeta e Ronaldinho Gaúcho. O ex-volante, que, apesar de reserva na Copa, teve papel fundamental na campanha brasileira nas Eliminatórias e era uma das figuras mais queridas pelo grupo que foi à Ásia, teve o último contato com o meia, titular na competição e duas vezes eleito o melhor jogador do mundo, em 2017.

O próprio Velho Vamp contou como foi a última vez que viu o amigo. “O último contato que eu tive com ele vai fazer uns dois, três anos… A gente foi fazer um jogo festivo em Minas Gerais… Amigos do Ronaldinho contra a Seleção Brasileira campeã do mundo em 2002. Isso foi numa sexta-feira e, no domingo seguinte, eu fiz uma outra partida festiva com ele no Pacaembu. Então, o meu último contato com ele foi dentro de campo, no Pacaembu”, revelou, durante a última edição do Pergunte ao Vampeta, programa semanal do Grupo Jovem Pan.

Além das distâncias que o tempo impõe, outro fator contribuiu para o considerável período de afastamento entre os dois: a prisão de Ronaldinho. O ex-jogador foi detido por usar passaporte falso no Paraguai e está confinado no país desde o início de março. Há, no entanto, uma audiência marcada para o dia 24 de agosto, e o Bruxo poderá, enfim, ser liberado para voltar ao Brasil. Vampeta segue na torcida pelo amigo. “O Ronaldinho foi uma das melhores pessoas que eu conheci no mundo da bola”, garantiu o ídolo do Corinthians, antes de mandar um recado diretamente ao ex-companheiro de Seleção Brasileira. “Ronaldinho, sai daí! Vem ficar com a gente, irmão!”.