Após eliminação na Libertadores, jogadores do Atlético-MG mandam recado para torcida: ‘Ano ainda não acabou’ 

Na terça-feira, 28, o time mineiro foi derrotado pelo Palmeiras; atualmente, o Galo é líder do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Copa do Brasil

  • Por Jovem Pan
  • 30/09/2021 10h36
RODNEY COSTA/ZIMEL PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 28/09/2021Empate na Libertadores resultado que favoreceu o Palmeiras pelo gol marcado fora de casa

Os jogadores do Atlético-MG usaram suas redes sociais para mandar um recado à torcida. Após ser eliminado na semifinal das Libertadores pelo Palmeiras na última terça-feira, 18, os atletas lembram que o ano ainda não acabou e que o time ainda pode ganhar outros campeonatos. Atualmente, o Galo é líder do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Copa do Brasil. O paraguaio Júnior Alonso revelou “tristeza”, “decepção” e “insatisfação” com o resultado, mas prometeu trabalho em dobro. “Tristeza, decepção e insatisfação são alguns dos sentimentos que temos do jogo de ontem. Fazer um ótimo trabalho durante a temporada e estar fora de competição desta forma nos obriga a pensar que cada detalhe conta.  Cada esforço e sacrifício que fazemos durante uma partida, no treino do dia a dia e no descanso em casa são importantes. Continuaremos a nos esforçar, trabalhando em dobro, por nós, por nossas famílias e por vocês, torcedores”, escreveu o zagueiro.

O lateral esquerdo do Atlético, Guilherme Arana, foi na mesma linha e prometeu “persistência”, “foco” e “garra”. “Infelizmente nem tudo sempre acontece como planejamos, mas seguiremos com persistência, foco e garra nos próximos campeonatos”, afirmou. Na partida de ida contra o Palmeiras, disputada no Allianz Parque, as duas equipes empataram em 0 a 0. No jogo de volta, que aconteceu no Mineirão, os times ficaram no 1 a 1, resultado que favoreceu o Verdão pelo gol marcado fora de casa. “Lutamos muito e buscamos o resultado até o final, mas, infelizmente, dessa vez, não chegamos ao objetivo que tanto trabalhamos para conquistar e que tanto queríamos. Estamos chateados, mas sabemos que existem outras vitórias e outros objetivos a serem alcançados e continuaremos extremamente focados em busca dos títulos”, assegurou o goleiro Everson.

O volante Jair aproveitou para lembrar os torcedores de que o ano ainda não acabou. “Não foi do jeito que queríamos. Lutamos até o fim, mas infelizmente a classificação não veio. Nunca vai faltar vontade para defender essa camisa. Temos muito chão para percorrer e seguiremos firmes. O ano ainda não acabou, continuaremos trabalhando pelo melhor para o Atlético”, disse o jogador. Hulk fez um discurso emocionado sobre a sua volta ao Brasil. “Quando resolvi voltar a jogar no Brasil não passava pela minha cabeça que eu seria tão feliz como estou sendo. Entrar em campo com a camisa do Galo e sentir todo amor, carinho e respeito que a torcida tem por nós jogadores é muito gratificante. Nós jogadores, comissão técnica e toda família do Atlético queríamos muito estar nessa final, mas infelizmente não conseguimos. Temos um compromisso grande de dar a vida pelo Brasileiro e Copa do Brasil. Vamos lutar com fervor até o fim. Por que esse sonho, hoje, não é só da massa atleticana é também de todos os jogadores, toda a diretoria e comissão técnica, mas acima de tudo é meu.”