Chefe de arbitragem da CBF elogia VAR no Brasileirão: ‘Projeto está no caminho certo’

  • Por Jovem Pan
  • 17/09/2019 17h05
CELSO PUPO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOVAR ainda sofre críticas no Brasil

O presidente da Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Leonardo Gaciba, tratou como “no caminho certo” a utilização do árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro. Nos números apresentados, das 190 partidas do primeiro turno, em 160 o VAR foi acionado. O tempo médio de bola parada para a decisão foi de 1 minuto e 36 segundos.

“Nós tínhamos confiança de que o tempo cairia após algum tempo. A primeira preocupação foi com a precisão. Após isso, a familiaridade com a ferramenta e a confiança foram aumentando. A tendência é encontrar um padrão em breve. Os dados da diminuição do tempo de revisão somados ao nível de acerto nos mostra que o projeto está no caminho certo. Estamos abaixo da média da maioria dos países em seu primeiro ano de utilização do VAR”, disse Leonardo Gaciba ao GloboEsporte.

Os árbitros de campo foram revisar o lance no monitor em 79 oportunidades. Essas revisões consumiram em média 2 minutos e 38 segundos. Nos 160 jogos em que o VAR foi acionado, foram 344 paralisações e 114 revisões. As decisões foram mudadas em 95 oportunidades,