Tite convoca Miranda, Hulk, Edenilson e mais seis para substituir vetados pela Liga Inglesa

‘Todos esses atletas que agora estarão convocados também competem de forma leal, elevando performance’, disse o treinador da seleção brasileira

  • Por Jovem Pan
  • 27/08/2021 14h54 - Atualizado em 27/08/2021 17h42
Reprodução/@São Paulo FCMiranda foi convocado para defender a seleção brasileira na rodada tripla das Eliminatórias

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou na tarde desta sexta-feira, 27, que o treinador Tite convocou nove jogadores para a rodada tripla das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022, no Catar. A ideia é que eles possam substituir, caso necessário, os atletas que atuam no futebol inglês, mas que foram vetados pela Premier League (Liga Inglesa) de sair do país para representar a seleção. Assim, Santos (Athletico-PR), Everson (Atlético-MG), Miranda (São Paulo), Edenilson (Internacional), Gerson (Olympique de Marselha), Matheus Nunes (Sporting), Hulk (Atlético-MG), Malcom (Zenit) e Vinicius Júnior (Real Madrid) são esperados na apresentação em São Paulo, na próxima segunda-feira, 31.

“As oportunidades acontecem. Todos esses atletas que agora estarão convocados também competem de forma leal, elevando performance. Essa oportunidade desses atletas que vão ser convocados é nesse sentido”, destacou o técnico Tite, antes de anunciar a lista. Coordenador da seleção brasileira, Juninho Paulista reforçou que os jogadores não serão desconvocados, independente de uma reviravolta quanto aos atletas que atuam na Inglaterra. “Nossa preparação começa daqui a três dias. A gente torna a repetir: Eliminatórias já são a Copa do Mundo para a gente. Por isso, não pudemos esperar mais pela resposta, a não ser estarmos prontos e preparados para esta situação”, afirmou.

Responsável por gerir o Campeonato Inglês, a Premier League anunciou na última terça-feira, 24, em comunicado oficial, que decidiu não liberar os jogadores convocados para seleções nacionais que vão disputar partidas da próxima Data Fifa, marcada para a primeira quinzena de setembro. A restrição refere-se a atletas que estão na “lista vermelha” do Reino Unido — eles teriam que fazer uma quarentena de 10 dias, imposta pelo governo, ao voltarem à Inglaterra. Por isso, dos 25 convocados por Tite inicialmente, nove não devem representar o Brasil na rodada tripla, sendo eles: Alisson, Fabinho e Roberto Firmino, do Liverpool; Ederson e Gabriel Jesus, do Manchester City; Thiago Silva, do Chelsea; Richarlison, do Everton; Fred, do Manchester United; e Raphinha, do Leeds United. As ligas que organizam Espanha e Itália, vale lembrar, também ameaçaram impedir a saída de seus atletas, mas a medida ainda não foi oficializada pelos clubes.

O Brasil terá o seu primeiro desafio no dia 2 de setembro, pela nona rodada, contra o Chile, em Santiago. Na sequência, a Canarinho jogará duas vezes com comandante. No dia 5, pela sexta rodada — uma das adiadas de março –, a rival será a Argentina, na Neo Química Arena, em São Paulo. Três dias depois, o adversário será o Peru, pela 10ª rodada, a primeira do returno, na Arena Pernambuco, no Recife. A seleção brasileira lidera o torneio com seis vitórias e 100% de aproveitamento. Argentina, Equador e os uruguaios completam a zona de classificação direta à Copa do Mundo de 2022, enquanto que os colombianos, que figuram na quinta posição, disputariam neste momento a repescagem.