Nos EUA, autoridades registram primeiro caso de contágio por misterioso vírus chinês

  • Por Jovem Pan
  • 21/01/2020 16h38
EFE/YONHAP

Uma pessoa que está no Estado de Washington, na Costa Oeste dos Estados Unidos, é a primeira a ser diagnosticada no país com o misterioso coronavírus detectado primeiro na cidade de Wuhan, na China.

Na China, após a descoberta do novo coronavírus, centenas de pessoas já foram internadas e o surto causou pelo menos seis mortes confirmadas.

Nos Estados Unidos, a pessoa que foi contagiada está internada desde a semana passada e, segundo as autoridades locais, havia viajado recentemente à cidade chinesa onde surgiram os primeiros casos.

O coronavírus em questão causa sintomas como febre, tosse, falta de ar e dificuldade de respirar e é parecido com o responsável pela Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars), que em 2002 e 2003 matou mais de 600 pessoas na China e em Hong Kong.

Além de China e Estados Unidos, outros três países já registraram casos de contágio pelo vírus: Tailândia, Japão e Coreia do Sul. A Organização Mundial da Saúde (OMS) já convocou um comitê de emergência para atuar diante dos casos. A comissão reúne-se em casos de epidemias com riscos de transmissão além das fronteiras nacionais

*Com informações da EFE