Disco de Sérgio Reis com parcerias é cancelado após desistência de cantores

Filho do artista informou que estava há muito tempo trabalhando nesse projeto, mas que ele não existe mais

  • Por Jovem Pan
  • 25/08/2021 14h55 - Atualizado em 25/08/2021 15h24
Reprodução/Instagram/serjaooficial/25.08.2021Filho de Sérgio Reis disse que disco do pai com parcerias foi cancelado

O disco de parcerias do cantor Sérgio Reis não será mais lançado após vários artistas abandonarem o projeto. Marco Bavini, filho do sertanejo, confirmou a informação à Jovem Pan: “Parei o trabalho do CD. Eu que gravei, escolhi o repertório e vinha produzindo há muito tempo, inclusive. Meu mundo é musical e o trabalho saiu desse ambiente, então parei com o projeto. Não tive escolha, não existe mais CD”. Guarabyra, Guilherme Arantes, Maria Rita e Zé Ramalho são alguns dos cantores que participariam do projeto, mas desistiram após vazar um áudio em que Sérgio fala de uma manifestação planejada para o próximo dia 7 de setembro, no qual será exigido o voto impresso e impeachment dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Se em 30 dias eles não tirarem aqueles caras, nós vamos invadir, quebrar tudo e tirar os caras na marra. Pronto”, declarou o cantor no áudio que viralizou nas redes sociais. Após essas declarações, o intérprete de “O Menino da Porteira” passou a ser investigado pela Polícia Federal e teve seu celular apreendido. A cantora Paula Fernandes foi a única artista que manteve sua participação no disco dizendo que era uma decisão “absolutamente artística”. O apresentador Ratinho também se pronunciou sobre o caso e criticou ao vivo no SBT os artistas que abandonaram o projeto. Após ser “cancelado” por famosos e por muitos fãs – que chegaram a queimar discos do sertanejo –, Sérgio pediu desculpas pelo áudio vazado e enfatizou que mantém seu apoio à greve, mas sem qualquer tipo de agressão.