‘Morte à América’, gritam milhares de pessoas que acompanham velório de general do Irã

  • Por Jovem Pan
  • 04/01/2020 08h38 - Atualizado em 04/01/2020 09h26
EFE Além do general, o corpo do líder da milícia, Abu Mehdi Al Muhandis, também está na cerimônia

Milhares de iraquianos acompanham, neste sábado (4), o velório e enterro do general Qassem Soleiman. O chefe da Guarda Revolucionária do Irã foi morto na última quinta-feira (2), após ser bombardeado em um ataque aéreo dos Estados Unidos, comandando pelo presidente Donald Trump.

A caminhada até o local da cerimônia começou em Kadhimiya, um distrito xiita de Bagdá, no Iraque – onde o militar estava quando foi morto – e vai seguir até a Zona Verde, local e onde o funeral vai acontecer, já que é próximo de edifícios do governo do Irã. Durante a procissão, os apoiadores de Soleiman ecoam gritos de “morte à América”.

Além do general, o corpo do líder da milícia, Abu Mehdi Al Muhandis, que também morreu no ataque dos EUA, também está sendo levado para o local do velório. Participam da cerimônia o primeiro-ministro iraquiano, Adel Abdul Mahdi, o chefe das forças pró-Irã no parlamento iraquiano, Hadi Al Ameri, e o ex-primeiro-ministro Nuri Al Maliki, além de chefes de facções xiitas.