Eleições 2020: como votar com segurança durante a pandemia de Covid-19

Conheça algumas regras e orientações para evitar que a doença se espalhe durante a votação

  • Por Lívia Zanolini
  • 13/11/2020 15h00 - Atualizado em 13/11/2020 16h37
Kreuz_und_Quer/PixabayNas seções eleitorais, use máscara o tempo todo, higienize as mãos com álcool em gel antes e depois de usar a urna eletrônica e leve sua própria caneta

Por causa do avanço do coronavírus, as eleições municipais deste ano, no Brasil, foram transferidas para novembro. O primeiro turno está marcado para o dia 15. O segundo, nos municípios onde houver, acontecerá duas semanas depois, no dia 29. Para evitar aglomerações e contaminações pelo vírus, um Plano de Segurança Sanitária elaborado por médicos deverá ser seguido em todo o país. Para começar, o horário de votação foi ampliado. As eleições, que antes ocorriam das 8 da manhã às cinco da tarde, este ano começarão uma hora mais cedo: às 7 da manhã. Além disso, pessoas com 60 anos ou mais terão prioridade de votação entre 7 e 10 da manhã. A Justiça Eleitoral deverá fornecer aos mesários máscaras e viseiras plásticas – as chamadas face shields -, álcool em gel para uso individual e também para higienização das superfícies e objetos na seção eleitoral. Aos eleitores também será disponibilizado álcool em gel para uso antes e depois da votação e será obrigatório o uso de máscaras nas zonas eleitorais.

Nestas eleições, também com o objetivo de evitar a disseminação do vírus, o Tribunal Superior Eleitoral eliminou a biometria e alterou o fluxo de votação. O eleitor vai passar apenas uma vez pela mesa receptora de votos. E mais: a apresentação obrigatória do documento de identificação com foto deverá ser feita à distância, sem que o mesário manuseie esses documentos. Para evitar filas ainda maiores, não haverá medição de temperatura. E atenção! Se apresentar febre, evite sair de casa. Se não puder votar, a justificativa deverá ser feita, de preferência, pelo aplicativo e-Título, título de eleitor digital que pode ser baixado no celular. Nas  filas e dentro das seções eleitorais, mantenha a distância de, no mínimo, um metro das outras pessoas. Use máscara o tempo todo. Higienize sempre as mãos com álcool em gel, principalmente antes de assinar o caderno de votação e após usar a urna eletrônica. E leve sua própria caneta. Fique atento às recomendações. Tão importante quanto votar, é tomar todos os cuidados para preservar a própria saúde e a daqueles que estão ao seu redor. Tá Explicado?

Gostaria de sugerir algum tema para o programa? É simples. Encaminhe a sugestão para o e-mail online@jovempan.com.br e escreva Tá Explicado no assunto. Participe!